Navegação
Total de Visitas desde 2011:  2879445

Personagens da Festa : SOBRAL DO MONTE AGRAÇO

No Confronto de Ganadarias na Palha Blanco – Oferta de Convite a todas as Mães

20.ª edição dos Sabores do Toiro Bravo convida a viver o lado bravo da vida.

20.ª edição dos Sabores do Toiro Bravo convida a viver o lado bravo da vida.

De 3 a 5 de maio, à 20.ª edição do certame Sabores do Toiro Bravo, Coruche demonstra bravura que dá gosto em típicas tasquinhas ribatejanas instaladas na Praça de Toiros de Coruche. Confirmadas as participações dos restaurantes Sabores de Coruche, O Farnel, Ó Manel e Carnes Bravas by de Catering, o certame, que tem lugar destacado nos principais roteiros gastronómicos, promete ainda uma ampla programação paralela que inclui masterclasses, mostras de artesanato, folclore, animação taurina de entrada livre, animação infantil e muita música, não esquecendo o Concurso Morfofuncional do Cavalo de Raça Luso-Árabe e a Feira de Artesanato e Produtos Locais. O certame, evento carismático e autêntico do Ribatejo, fixa uma carta gastronómica de excelência, comemorando na Praça de Toiros os sabores e os saberes em torno da carne brava. Coruche sabe bem!

A programação de 3 de maio sexta-feira

Com um programa repleto de atividades para todas as idades, o grande evento Sabores do Toiro Bravo promete momentos inesquecíveis e experiências únicas com pitadas generosas de bravura. feira, marcada por um momento intercultural com o grupo de dança Pampa Compania, comitiva argentina participante no FIFCA que permanece em Coruche ,A inauguração oficial do certame gastronómico acontece às 18 horas de 3 de maio, sexta-feira o dos Sabores, e com o Rancho Folclórico de Vila Nova de Erra. Além da gastronomia e da festa, os visitantes podem ainda explorar a Feira de Artesanato e Produtos Locais, onde encontrarão produtos tradicionais e artesanais da região. O mote é dado pela degustação de receitas que têm como ingrediente central a carne de toiro bravo, protagonista do evento gastronómico ribatejano, que é uma celebração nacional das gentes, da cultura e dos sabores. Acompanhando a experiência culinária, os comensais podem desfrutar de animação itinerante ao jantar, com os grupos de música popular de António Figueiredo e os Fazendeiros del Pop na Praça de Toiros de Coruche. A noite reserva ainda momentos de descontração no Parque do Sorraia, às 22 horas, com a “Noite Tinto Verano” e o grupo Porque Si, ou, na Tertúlia do Grupo de Forcados Amadores de Coruche (GFAC), com as “Noites do Toiro Bravo” e o DJ Francisco Rouxinol.

A programação de  4 de maio, sábado, o programa inicia-se às 10 horas com a Romaria a Cavalo, organizada pela Associação do Cavalo de Raça Luso-Árabe, seguindo-se, às 10h30, a emocionante atividade lúdica "A minha primeira pega no Grupo de Coruche", que proporciona uma experiência tauromáquica única entre pais/tutores e filhos/educandos, em contacto direto com rezes bravas (bezerras) na arena da Praça de Toiros. Às 11h30, o ambiente torna a animar-se com o jogo "Mesa da Tortura", organizado pelo Grupo de Forcados Amadores de Coruche, também na arena. Durante o almoço, os comensais são acompanhados na Praça de Toiros pela animação itinerante dos grupos de música popular Charanga Os Batatas e Trinca Espinhas. A tarde reserva momentos dedicados aos cavalos, com o batismo equestre às 14 horas e, às 15 horas, com a realização do II Concurso Morfofuncional do Cavalo Luso-Àrabe 2024, ambos organizados pela Associação do Cavalo de Raça Luso-Árabe. Ao cair da noite, a animação prossegue com mais música e animação ao jantar, a cargo dos grupos de música popular Charanga Os Batatas, Os Carraceiros e do grupo de dança argentina Pampa Compania, tudo na Praça de Toiros. Mais tarde, pelas 22 horas, o Parque do Sorraia recebe o concerto de Rafa & Beltran, enquanto na Tertúlia do GFAC acontecem, a partir das 23h30, as "Noites do Toiro Bravo" com o DJ Miguel Morais.

A programação de 5 de maio, terceiro e último dia, encerra em grande estilo. As atividades começam cedo, às 9h30, com a iniciativa MãeFit, organizada pelo Serviço de Desporto da Câmara Municipal de Coruche, que promete uma manhã energizante e saudável entre mães e filh@s no Jardim 25 de abril. Depois, às 11 horas, na Arena da Praça de Toiros, tem início o treino do GFAC em conjunto com o Grupo de Forcados Amadores da Chamusca, proporcionando momentos de destreza e bravura com muita tradição à mistura. Abre-se então o apetite à hora de almoço na praça, animada pelos grupos itinerantes de música popular Terra Velhinha, Tropa Fandanga e, mais uma vez, pelo grupo Pampa Compania. Às 16 horas os apreciadores de gastronomia autêntica terão a oportunidade de participar no workshop “Sabores do Toiro Bravo” com o chef Ricardo Sousa. A iniciativa, promovida pelo Município de Coruche, promete revelar segredos culinários e técnicas de preparação envolvendo a carne de toiro bravo. A encerrar o evento em ritmo de festa e celebração, às 17 horas tem lugar na Praça d’Água uma oficina de folclore com grupos folclóricos do Concelho, promovendo a cultura, a tradição e o melhor do espírito comunitário e associativo da região.

O certame Sabores do Toiro Bravo é um evento único no País e no mundo, associando os sabores à festa, à tradição, à música e aos valores tradicionais da cultura tauromáquica para uma conjugação alquímica que anualmente faz rumar a Coruche milhares de pessoas. O mote é dado pela degustação de múltiplas receitas que têm como ingrediente central a carne de toiro bravo. Vitela brava assada no tacho com batatinha assada e migas de broa e couve, bandarilhas de lombinho de toiro bravo com camarão, espetada de bezerra brava em pau de loureiro, rabo de boi estufado, bife de touro bravo recheado, cachaço de toiro bravo com grão e hortelã, posta brava à lagareiro, vazia de toiro bravo com migas, batata frita e laranja, canja de toiro bravo ou miminhos na telha são apenas algumas das muitas iguarias com ingredientes característicos da gastronomia ribatejana que deliciam os visitantes. Além das múltiplas formas de provar a carne brava, os Sabores estendem-se à doçaria e aos vinhos da região, que acompanham os manjares.

Além da gastronomia e do artesanato, os visitantes podem explorar a Vila e conhecer melhor a história e a cultura tauromáquica, em particular no Núcleo Tauromáquico de Coruche, que estará de portas abertas das 10 às 13 horas e das 14h30 às 18 horas. Sugere-se também a visita ao Posto de Turismo, não esquecendo a Loja do Montado para aquisição de produtos locais e artesanato. São, de facto, inúmeras as razões para uma visita inesquecível, a começar pelo Jardim 25 de Abril e pelo Parque do Sorraia, junto à Praça de Toiros, onde os visitantes podem passear calmamente à beira rio. Ali tão perto encontra-se o parque radical, entre o pavilhão desportivo e o rio, uma refrescante praça de água e um mural de homenagem à afición coruchense. Também o centro histórico de Coruche é digno de visita, nomeadamente pela traça das suas casas senhoriais, pelas magníficas fachadas das igrejas, assim como pelas intervenções de arte urbana. Por fim, não se dispensa um passeio à Praça da Liberdade, onde se encontra o Edifício dos Paços do Concelho e o Pelourinho, bem como à Ermida de Nossa Senhora do Castelo, donde se espraia a vista deslumbrante sobre o Vale do Sorraia. Coruche convida, mais uma vez, a viver o lado bravo da vida.


30/04/2024

07:55

Personagens da Festa : SOBRAL DO MONTE AGRAÇO

No Confronto de Ganadarias na Palha Blanco – Oferta de Convite a todas as Mães